Quando o Imperador Cláudio II proibiu o casamento no intuito de recrutar jovens, o Bispo romano Valentim sacramentava amores em segredo e quando foi descoberto exercendo a pratica da união dos casais foi condenado à morte e morto no dia de hoje no ano de 270 D.C..

Durante a espera de sua captação muitos jovens jogavam flores e bilhetes dizendo ainda acreditavam no amor.

Em muitos países da Europa e inclusive nos EUA, hoje, dia 14 de fevereiro é o dia Dia dos Namorados.

E é sempre tão bom receber algo que nos faça lembrar o quão querido somos.

Sem falar que é delicioso dar também, as recompensas que ganhamos podem ser generosas.

Mesmo em cima da hora, por que não tentar fazer um pequeno agrado (mesmo que não seja seu namorado/ namorada)?

 

Umas idéias de última hora validas para todos: 

– Mandar e-mail lembrando a pessoa do quanto você gosta dela é uma ótima idéia;

– Enviar um SMS com um “Happy Valentine’s Day”;

– Uma massagem e depois um sexo delicioso (em posições mirabolantes ou normais);

– Flores, chocolates, cartões;

– Se você mora em Sampa ou no Rio de janeiro, existem Sex Shops que entregam em até 4 horas na sua casa. Um que eu uso bastante é o [nome e link da loja foram censurados pelo próprio site, mas com facilidades você acha em qualquer site de busca] ;

– Fazer um jantarzinho gostoso com umas velinhas só pra dar um charme, pode fazer do seu dia um daqueles momentos super especiais e bem prazerosos;

– Um vinho cai bem nessa chuva…;

– Só um montão de beijos também vale tanto o quanto todo o resto que eu sugeri.

 

Não importa se você é homem ou mulher, nem a sua faixa etária e muito menos usar a desculpa da grana estar curta.

O que vale é celebrar que se tem uma pessoa à quem se celebrar.

E lembre-se: aquilo que a gente dá é aquilo que a gente recebe (tá, nem sempre… mas vale tentar).

 

Feliz dia dos namorados “fora de época”!

 

Por @rebecagalabarof