Desesperada para gozar, diz:

Oi, pode me chamar de Desesperada se o meu caso for escolhido pra ser respondido, então vou te contar meu problema.

Tenho 28 anos e perdi a virgindade aos 17 com um cara que eu era extremamente apaixonada. Foi tudo perfeito! Antes já tinha rolado masturbação e sexo oral e todas as vezes eu chegava ao orgasmo sem nenhum problema, mas com penetração nunca tive nenhum orgasmo.

Ficava excitada, lubrificada e tudo mais, mas nunca conseguia chegar lá com a penetração, ele sempre tinha que fazer oral em mim. Acabamos o namoro e depois dele vieram outros, mas o problemas sempre foi o mesmo, nunca tive orgasmos com penetração.

Me sinto relaxada, sem nenhuma encanação, fico super excitada, molhada, consigo chegar lá sozinha, se me masturbam ou no oral, mas nunca com penetração. Me ajudem!

Desde já agradeço pelo trabalho maravilhoso e as ajudas a todos!

Olá, Desesperada!

Vamos lá: se tu goza com masturbação, esfrega-esfrega, cócegas e etc, menos com a penetração, vou te dar uma dica bacana e que tu passe para seu próximo parceiro…

Nós, mulheres, em geral gozamos pela fricção contínua e intensa, ou seja, na hora que o cara “acha o jeito”, é só ir até a gente gozar. Isso, inclusive, já é mais que sabido por tudo e todos.

Ocorre que, o que pouco se fala por aí, é que para algumas (talvez muitas) mulheres, existe um momento em que para gozar, temos que, apesar de relaxadas mentalmente, nos apertar, espremer contrair. Chega-se até ao ponto de, muitas vezes, ouvir relatos de cãibras nos dedões dos pés, nos músculos das coxas e/ou das panturrilhas.

Daí que, sendo assim, te recomendo experimentar fazer isto na hora em que estiver sentindo chegar aquele tesão que vem pouco antes do orgasmo.

Outra coisa que te aconselho muito, é aprender a pompoar! Sim! Além de fazer uma puta diferença pro cara que está te comendo, pode ter absoluta certeza, vai te fazer uma baita diferença na vida sexual, a ponto de você aprender a gozar das mais variadas formas, só com suas próprias contrações vaginais.

Em todo o caso, recomendo mostre estas lições para seu parceiro:Aprenda a deixar sua mulher louca na cama, estimulando o clitóris da forma corretae10 coisas que um cara deveria fazer para ser bom de cama“.

Não custa nada pra nenhum cidadão, seja do sexo masculino ou feminino, aperfeiçoar cada vez mais seu desempenho sexual e, porque não, inovar, né?

Então, gata, corre pra cama, faça tudo o que tu já sabe fazer da melhor forma possível, deixa o gato louco e na hora que ele achar aquele jeito que te faz chegar no quase, manda um: “Isso, assim! Não para. Não muda que eu vou gozar!” e ativa a contração vaginal, mesmo que com ajuda de músculos glúteos e da coxa, relaxa e gozaaaaaa!

To aqui torcendo por você.

Beijos,

Thatu Nunes || @DraDoAmor

Encalhada Chefe no Manual das Encalhadas

Palpiteira no Sweetlicious

Contatos: Twitter || Facebook || [email protected]