Marido Sem Sexo diz:

Oi! Venho acompanhando o Sweetlicious há algum tempo e resolvi escrever…

Tenho 32 ano, minha mulher tem 25 e estamos casados há 1 ano. Sou o primeiro homem da vida dela, sendo assim ela

era virgem até o casamento. Namoramos por 4 anos sem ter relação sexual por opção nossa. Mas mesmo sem sexo dávamos uns amassos bem gostoso só faltava pegar ”fogo”. Ela ficava muito molhada… Conversamos muito sobre sexo, e que nós faríamos muito depois de casarmos.

Lua de Mel: Ficamos 8 dias na Lua de Mel. Dei uns amassos, fiz uma preliminar bem feita, ela ficou molhada, mas na hora da

penetração ela falou que doeu (Detalhe: Tudo foi feito com calma, devagar e com muita paciência). Sangrou um pouco, que é até normal, tentamos a penetração por 3 noites, não deu certo, sendo assim para não ”forçar a barra”, curtimos o lugar e acabando a Lua de Mel voltamos para a nossa vida normal.

Começou a ”dor de cabeça”. Ela toma anticoncepcional então na há preocupação de gravidez, Lembrando que sempre

começo com preliminar e só introduzo o pênis se ela já estiver bem molhada. Tentamos a penetração de vários modos, tentamos bastante com camisinha e lubrificante KY, introduzindo o pênis na vagina aos poucos (poucos mesmo, um milimetro a cada uns 5 minutos, sem exagero), mesmo ela sentido muita vontade de fazer, deixando ela segura/ confortável, na hora H, ela sente muita dor e que não dá mais para continuar naquele momento… Ela já foi no Ginecologista 3 vezes, fez vários exames e não deu nada errado.

Temos conversado muito sobre isso com calma e nessas conversas, às vezes, ela dá desculpas que ela não sente necessidade de fazer sexo (ela não tem nenhum trauma nesta questão de relação sexual, segundo ela).

Gostamos um do outro e já tentei de tudo com ela, fiz muitas pesquisas sobre o assunto principalmente aqui no blog que tem até casos semelhantes ao meu.  Já tentei agrada-la de vários modos (Parece que só eu), mas nunca recebo nada em troca, ás vezes nem a procuro mais para fazer(tentar de novo) sexo. Mesmo com um ano de casado e sem sexo tenho sido paciente (acho que até demais, ou muito idiota). Não sei se este casamento resiste mais um ano sem sexo, tentei de tudo que estava ao meu alcance, mas ainda assim estou procurando por ajuda… mas paciência tem limite.

Traição não é… certeza (sempre estou com ela).
É medo, Frigidez, frescura, questão psicológica…?

Como posso ajuda-la?

Desde já, Muito Obrigado!

Marido Sem Sexo

Olá, Marido Sem Sexo,

obrigada por nos acompanhar.

Sobre sua história, pelo que entendi, especialmente quando você narra que ela deixou claro que ela não sente a menor falta de sexo, é um tanto de comodismo dela.

É natural que ela se sinta insegura, sem tesão suficiente, sinta dor, blablabla, mas também é bem natural que uma mulher numa situação dessas, em que o marido bem dizer jamais transou de verdade com ela, ela se sinta mal e seja a primeira a querer solução pra isso.

Por exemplo: você diz que ela já foi 3 vezes ao médico e fez todos os exames. Ok, ponto pra ela. Mas você foi alguma vez com ela? Viu se ela realmente narrou esta questão e as dificuldades dela para o tal médico alguma das vezes? Será que ela fez os exames compatíveis com o problema? Ou será que ela passou as 3 vezes como se fosse rotina, não falou nada e ok? Chegou em casa dizendo que buscou a solução e nada?

Outra coisa: se sexo pra ela não faz a menor falta, mesmo depois de esperar 4 anos para começar a ter relações, tem alguma coisa bem estranha. Se não psicológica, hormonalmente. Isso, se não for a somatória dos dois.

Em seu lugar, eu marcaria já um gineco e um psicólogo pra ela (sim, ambos!) e ia junto. E falaria para ambos o que está ocorrendo.

Se não há problema físico e se ela diz que não faz a menor questão de sexo, além da falta de sexo em si, enxergo uma puta falta de consideração dela para com suas necessidades e para com a manutenção do casamento.

Me soa até a relaxo, isso. Afinal, uma mulher preocupada com o parceiro e com o casamento, é a mais interessada da história em resolver seus próprios problemas e viver intensamente a vida sexual. Aliás, é melhor pra ela em todos os sentidos também.

Há quem diga que homem que se importa com sexo é machista, não presta, blablabla. Mas, convenhamos: quem é que espera 4 anos, respeita as regras de só transar depois do casamento, pra depois viver casado e sem sexo? Aliás, quem é que se casa pra viver sem sexo?

Te desejo toda coragem e sorte do mundo e espero que ela tome consciência do mal que está fazendo pra si, pra você e para a própria relação e passe a tomar ações para resolver isto.

Beijos,

Thatu Nunes || @DraDoAmor