A província de Chiayi, em Taiwan, lamentou a morte do presidente do Conselho, Tung Hsiang, de 76 anos. Para dar-lhe uma despedida inesquecível, digna e ‘feliz’, seu filho contratou 50 strippers para dançar música pop em cima de 50 jipes que faziam parte do cortejo. Assista o vídeo:

Apesar da iniciativa parecer um pouco estranha para nós ocidentais, é comum este tipo de ‘homenagem aos mortos‘ na China contemporânea, na intenção de animar o falecimento de alguém. Porém, a partir de 2015, o governo chinês decidiu reprimir a prática devido a uma série de incidentes envolvendo as strippers. No entanto as homenagens continuam presentes em Taiwan.