Marido Solidário diz:

Não quero ser casado com uma atriz pornô, mas sou louco por sexo. Condeno pessoas que traem seus companheiros, porém ultimamente tenho resistido a muitos impulsos – quase diários – de recorrer a “profissionais”.
 
O problema é que minha mulher é travada. Já tentei muito nesses 5 anos: conversar, realizar fantasias, motéis, sexo oral então, faço direto! Mas não estou conseguindo. Depois dessas tentativas todas desconfio que ela transa comigo por medo de ser traída, em vez de transar por tesão.
 
Esse problema só aumenta. Trato ela bem (acho eu), mas ela fica cada vez mais tensa com o tempo porque o problema não se resolve. Me propus até a fazermos terapia de casal. Não estou sendo egoísta: quero que ela seja mais feliz também, quero que ela goze mais, se sinta mais feminina! A vida sexual dela sempre foi frustrante, já conversamos muito sobre isso também.
 
Confesso que não sinto vontade de transar com ela. É foda, porque ela é uma pessoa maravilhosa, a mulher da minha vida.
 
Mas 5 anos sem um sexo bom, aquele de sair com a língua de fora, é frustrante demais. Pior é quando penso: “Caramba, nunca mais vou dar uma boa trepada nessa vida?”
 
E agora? O que você acha? A tentação de ir atrás de garotas de programa está me matando!
Puta situação de merda, a sua!
Falando como mulher, visitar o ginecologista regularmente e falar tudo pra ele, já é um excelente começo.
Agora, vamos pensar como qualquer outro ser humano de fora da situação:
Cara, na boa, se você faz tudo direitinho, se esforça, tem uma puta paciência de Jó e, mesmo assim, ela não se habilita a correr atrás de resolver um problema que no fundo é mais dela do que seu, você tem todo direito de sair do perrengue com outra.
Não precisa trair, já que trair é mentir e enganar. Chega nela e fala:
– “Olha, mulher, sexo por obrigação é igual punheta. Eu preciso METER, FUDER, TREPAR e ver uma mulher gozando gostoso no meu pau. Já conversei, vivo te agradando, faço de tudo e até propus terapia, mas você não está nem aí, então fique nem aí pro fato de que vou ser obrigado a sair com outra até essa situação mudar.”
E olha que eu sou mulher, mas eu não suportaria uma vida dessas nem fodendo (ou sem, foder direito, no caso).
Aliás, vai que ela está precisando sentir mais medo de perder, pra finalmente tomar atitude que lhe cabe de cuidar de si, especialmente no que te atinge diretamente.
Sei lá, na minha cabeça não entra essa parada de um parceiro ficar de frescura no rabo pra consertar seus problemas sexuais, sem se importar com o outro, não.
Nem na cadeia os caras ficam tanto tempo assim sem sexo bom. Pense nisso! HAHAHAHAHA
Boa sorte aí e espero que ela tome jeito, porque não é todo marido que tem tua disposição, dedicação e paciência e, se ela perder, é porque está sendo bem burra!
Beijos,
Thatu Nunes || @DraDoAmor

Encalhada Chefe no Manual das Encalhadas

Palpiteira no Sweetlicious

Contatos: Twitter || Facebook || [email protected]

 

Faça sua pergunta. Pode ser anonimamente: http://ask.fm/blogsweetlicious