Rola pelos grupos de Whatsapp centenas de cenas de pessoas sendo pegas no flagra no momento do ato sexual, seja com um parceiro ou sozinhas se masturbando. O site efukt compilou estes vídeos e fez um “Top flagras de 2017”.