Mary Beth Haglin, de 24 anos, considerada uma agressora sexual potencial depois de ter transado centena de vezes com um estudante, seu aluno menor de idade, quando era professora na cidade de Iowa, virou atriz pornô.

Depois de ter sido condenada a uma pena de 90 dias e fiança de US$ 2 mil dólares por ter feito sexo com um menor de idade, Mary Beth Haglin, execrada pela sociedade, deixou de ser professora e virou dançarina em uma casa noturna local. Logo produtores de filmes pornográficos fizeram uma proposta à “polêmica professorinha” para estrelar seu primeiro filme adulto.

O primeiro filme pornô de Mary Beth Haglin foi produzido entre fevereiro e março de 2017. A ex-professora fez sua primeira cena pornô para a série ‘Nebraska/Iowa Coeds’ com a seguinte sinopse: “Passei vários dias escondido em um quarto de hotel de Iowa gravando Mary Beth Haglin se masturbar; Brincando com brinquedos sexuais e este é o vídeo final. Mary Beth e eu fizemos sexo. Posso dizer que ela transborda sexo e sexualidade. Esta é a garota que você quer ter em seus braços quando está em um puteiro de Las Vegas. Uma noite para recordar!”. O vídeo é totalmente gravado em formato POV.

Assista a cena completa ‘One Dirty Night Of Sex Drugs And Fucking With Mary Beth Haglin In Iowa Hotel’, o primeiro filme da professora e agora atriz pornô Mary Beth Haglin (Dividido em três cenas):

Cena 1

Cena 2

Cena 3