Juana, também conhecida como “La Peque” (A bebê), de 28 anos disse que fez sexo com cadáveres de homens decapitados, além de ter bebido e se banhado com sangue dos mortos. Numa analogia humana da “Louva Deus fêmea” – que devora macho logo após de ser fecundada – Juana, assassina do cartel mexicano de narcotráfico ‘Zetas’, revelou estas atrocidades ao ser entrevistada pelo The Sun em sua estadia na prisão na Baixa Califórnia (México).

sexo ruiva 2

A ex-prostituta conta que foi promovida a espiã para ajudar os traficantes e avisá-los quando havia polícia se aproximando e durante este período viu pela primeira vez um homem tendo a cabeça esmagada em sua frente com uma arma medieval.

sexo ruiva 4

Depois deste caso Juana contou que começou a se excitar vendo sangue e se esfregava e se banhava nele após matar uma vítima, ainda bebia o líquido enquanto enquanto quente. Além disso ela fazia sexo com os cadáveres dos decapitados, usando as cabeças decepadas também e o resto do corpo deles para obter prazer.